Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

cidade
No comando: Cidade In Love

Das 0:00 as 02:00

what
No comando: What´s Up

Das 02:00 as 03:00

No comando: Arena Universitária

Das 02:00 as 05:00

nitro
No comando: Nitro Night

Das 03:00 as 04:00

nacao
No comando: Nação Sertaneja

Das 03:00 as 05:00

viola
No comando: Clube da Viola

Das 04:00 as 06:00

marcos
No comando: Marcos Ueder

Das 05:00 as 07:50

marcos
No comando: Marcos Ueder

Das 05:00 as 08:00

gilson
No comando: Gilsom Nogueira

Das 06:00 as 09:00

leo
No comando: Léo Carvalho

Das 08:00 as 12:00

73320447_2500255563403218_4407378646109519872_n
No comando: Lidiane Chaves

Das 08:00 as 12:00

clube
No comando: Clube do Amor

Das 09:00 as 12:00

asmais
No comando: As Mais Pedidas

Das 12:00 as 13:00

esporte
No comando: Kativa Esportes

Das 12:00 as 13:00

lidi
No comando: Lidiane Chaves

Das 12:00 as 16:00

plane
No comando: Planeta Rádio

Das 13:00 as 16:00

andre
No comando: André Mascarenhas

Das 13:00 as 17:00

regi
No comando: Reginaldo Serra

Das 16:00 as 19:00

teo
No comando: Téo Moraes

Das 16:00 as 20:00

asmais
No comando: As Mais Pedidas Sertanejas

Das 17:00 as 18:00

gilson
No comando: Gilsom Nogueira

Das 18:00 as 19:30

voz
No comando: Voz do Brasil

Das 19:00 as 20:00

resumo
No comando: Resumo

Das 19:30 as 21:00

planet
No comando: Planet Parade

Das 20:00 as 21:00

andre
No comando: André Mascarenhas

Das 20:00 as 24:00

mpb
No comando: MPB

Das 21:00 as 22:00

class
No comando: Classe A

Das 21:00 as 23:00

song
No comando: Song By Night

Das 22:00 as 24:00

Classe An
No comando: Classe A Nacional

Das 23:00 as 24:00

Barcelona tem dificuldade em cortar salários

Compartilhe:
BB11Hhb4

As negociações entre o Barcelona e seus jogadores seguem sem chegar a um acordo, depois que o presidente pediu a eles que reduzissem seus salários até que as competições sejam retomadas, diferentes fontes confirmaram à ESPN. A ideia do clube é tentar amenizar as perdas econômicas causadas pela crise do coronavírus.

A princípio a ideia da entidade era que seis áreas profissionais (futebol, futebol de salão, futebol feminino, hóquei, basquete e handebol) andassem de mãos dadas quanto à redução de salário, ainda que a primeira equipe de futebol teria, em algum caso, um tratamento especial, já que usa metade do orçamento do clube em contratos (pouco mais de 500 milhões de euros).

ESPN já adiantou na última sexta que o presidente Josep Maria Bartomeu e o conselho administrativo trabalharam em uma reunião em vídeo a possibilidade de reduzir o salário dos jogadores, que, por sua vez, mantiveram contatos com a AFE (Associação de Futebolistas Espanhóis).

Fontes próximas à negociação confirmaram à ESPN que o presidente informou seus jogadores que somente descontarão deles o percentual dos dias que estejam confinados em suas casas, mas, no momento, os capitães não estão inclinados a aceitar esta redução.

Faz tempo, a relação dos futebolistas com alguns dirigentes não é a mais fluída e isso poderia dificultar a situação. No entanto, no clube seguem sendo otimistas, e fontes do próprio Barcelona asseguram à ESPN que esperam chegar a um acordo que agrade a todos as partes nos próximos dias.

Faz tempo que a situação econômica do Barcelona é delicada, e a crise do coronavírus cortou a maioria de fontes de receita, que vão desde direitos de televisão até a venda de ingressos.

Por esse motivo, e com a venda online de produtos oficiais como única fonte de renda importante, os gestores do clube tiveram que começar a idealizar um plano de choque que passa por reduzir gastos. Além disso, outras fontes não descartam a possibilidade de que se realizem algumas demissões temporais entre os empregados que não sejam atletas do clube.

O Barça tinha previsto arrecadar cerca de 374 milhões de euros por meio da receita comercial, mas vários especialistas já estimam que seria impossível a eles chegar a esses números.

MSN

Deixe seu comentário:

Parceiros

Parceiros