(64) 9 9989 9911

NO AR

Voz do Brasil

Com Voz do Brasil

Brasil

Menina sequestrada aos 4 anos encontra família 53 anos depois

Publicada em 14/10/22 às 13:42h - 60 visualizações

por Kativa FM \\ Só notícia boa.


Compartilhe
 

Link da Notícia:

 (Foto: Kativa FM \\)

Acabou o sofrimento! Susan Gervaise foi sequestrada quando era menina, aos 4 anos de idade, e passou a vida toda procurando pela família biológica. Só agora, 53 anos depois, ela conseguiu reencontrá-los. E a emoção foi grande ao conhecer os irmãos biológicos!

Susan lembrou que foi levada por um casal, que a convidou para ir de férias a um parque temático da Disney. Depois disso, ela nunca mais viu a família.

Ela é britânica, vive hoje no Canadá, e contou que, até entender o que realmente tinha acontecido, achava que os pais biológicos a tinham deserdado, que era a história contada pelo casal que a levou. Mas graças à tecnologia, agora ela conseguiu se reconectar com a família biológica.

Sem contato com os pais

Susan lembrava vagamente dos pais. Eles viviam em West Yorkshire, na Inglaterra e, como trabalhavam em um abrigo religioso, levavam os filhos com eles.

Foi nesse abrigo que os pais de Susan conheceram um casal “simpático”, da Escócia, que perguntou se a menina poderia acompanhá-los na viagem e prometeu devolvê-la à Inglaterra depois.

O casal, que recebeu uma cópia da certidão de nascimento de Susan para poder viajar, levou a criança para o Canadá e, em seguida, para a Austrália e depois para a Nova Zelândia.

Ela conta que o casal a criou como a própria filha, mentia e contava que eles a adotaram porque a mãe não a queria.

O reencontro

Até os 16 anos ela não sabia que havia sido sequestrada. Foi quando começou a buscar os parentes por listas telefônicas, pela internet e, há pouco tempo, pelo Facebook.

Aí, Susan Gervaise descobriu quatro dos seis irmãos e teve o primeiro contato. Ela disse que quase não acreditou que poderia revê-los depois de tanto tempo.

A “mãe adotiva” de Susan morreu quando ela tinha 10 anos. Aos 16, por causa de um problema com o passaporte de Susan, o “pai adotivo” resolveu contar que ela havia sido roubada. Ele morreu quando Susan tinha 21 anos.

Os país biológicos da inglesa também morreram nesse período. No “retorno para casa”, ela visitou só pôde visitar o túmulo da mãe.

Levar esperança a desaparecidos

Casada e com três filhos, Susan agora quer mostrar aos outros que há esperança para crianças desaparecidas.

“Quando falei com minha família, eles choravam copiosamente porque eu estava viva. É uma mensagem de esperança a quem perdeu alguém, milagres acontecem”, lembrou ela.

Nas redes sociais, muitos internautas disseram que a história de Susan pode dar esperança aos pais de Madeleine McCann, a menina britânica que desapareceu em 3 de maio de 2007 quando estava de férias em Portugal. Ela só tinha 3 anos à época.

O recado claro é: nunca perca a esperança e persista!

Susan e os irmãos - Foto: arquivo pessoal

Susan, que foi sequestrada aos 4 anos, reencontrou os irmãos – Foto: arquivo pessoal

Fonte: Só notícia boa.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

ESTA RÁDIO É SUA

(64) 3631- 1392

Copyright (c) 2024 - Kativa FM \"Essa Rádio é Sua\" - Jataí - GO